Assine nosssa newsletter

50 tons e sabores na cozinha do Lago

Por Posted on 9

Premiado restaurante do chef Marcelo Petrarca traz novidades no menu

F

artura é algo que não falta à mesa do Lago Restaurante, quando se trata de opções de seu caprichado menu. A casa não economiza no número de ítens – das entradas e saladas, aos pratos servidos no almoço e no jantar, assinados pelo competente chef Marcelo Petrarca.

São 50 no total – entre 16 entradas, 5 saladas, 14 opções para o almoço, 3 “especiais do Chef” e 12 pratos para o jantar. Das simples às mais elaboradas, as receitas primam pela criatividade e pela combinação inusitada de ingredientes, e resultam em uma festa de sabores para o paladar.

A boa notícia é que as caçarolas de Marcelo Petrarca entraram recentemente em ebulição e trazem ao menu uma variada seleção de entradinhas, ao lado de novas opções de pratos no almoço e no jantar.

Entre as novidades, destaque para a Barriga de Porco à Pururuca com Tutu de Feijão, Couve e Brulée de Milho (R$ 68,00), a Costela Bovina 12 horas, com risoto de baião de dois e queijo coalho (R$ 69,00) , o Polvo Grelhado com risoto de açafrão e chocolate branco (R$99,00) , o Fideuá de linguicinha caseira com camarões e stracciatella (R$99,00), o Magret de Canard ao molho de foie gras com gallete de pera (R$99,00) e o tradicional Picadinho de Filé com arroz branco, farofa crocante e banana assada (R$66,00).

Não há como deixar de citar os suculentos cubos de filet ao molho do chef com Panko Crocante (R$ 68,00), o Taco de Confit de Pato com geléia de pimenta e maionese “secreta” (R$ 54,00), e o Milho 2.0 com fonduta de grana padano e páprica picante (R$ 48,00), todos, no capitulo das entradas.

Na seção “Especiais”, vale provar o Filet Mignon ao molho Dijon com risoto de tangerina caramelizada (R$99,00).

À hora do almoço,  desfilam delicias da cozinha “afetiva” como o Galeto ao Rôti de Rapadura com purê de batata do Chef (R$72,00), e o Caneloni de filet, com fonduta de trufa e pomodoro rústico (R$ 89,00) – uma síntese da cozinha brasileira contemporânea com pinceladas de cozinhas do mundo, à mesa.

Para o jantar, pratos “autorais” e cheios de personalidade garantem uma experiência gastronômica ímpar. Vale conferir carros-chefe como o Stinco de cordeiro glaceado escoltado pelo tagliolini caseiro no creme de açafrão (R$97,00), o risoto de lagosta servido com farofa de tempurá de limão siciliano (R$99,00), e o Haddock Defumado em boa companhia do Ovo Moellet e arroz de amêndoas (R$ 99,00). Continua também a todo vapor o Menu Executivo que troca semanalmente, sempre com opções que privilegiam ingredientes da estação.

Depois de tudo isso, é recomendável guardar apetite e tempo suficiente para a hora da sobremesa e provar delicias como os Profiteroles Crocantes recheados com creme inglês de Matcha (R$36,50), o Brioche Brûlée com mousse de chocolate do Chef (R$ 36,50) e a inusitada Nhá Benta Caseira com calda de chocolate (R$36,50). Permanece no cardápio a famosa rabanada da casa recheada de leite Ninho (R$ 36,50), uma iguaria apreciada por todos os clientes e frequentadores.

Sobre o Restaurante 

O Restaurante Lago é a mais nova casa do chef Marcelo Petrarca, destaque na cena gourmet da capital. Uma excelente iniciativa do grupo Petrarca – que já comanda duas casas concorridas na cidade – o Bloco C e o Reverso, além de seu famoso buffet Bloco C em Casa-  para paladares exigentes, nesta que é considerada uma das mais nobres áreas de Brasília, o Lago Sul. O ambiente é moderno, porém aconchegante, e sua cozinha contemporânea revisita clássicos como o famoso Filé à Wellington, entre outras especialidades. O salão amplo, mesas com generosos espaçamentos, cadeiras confortáveis, sofisticado bar e variada carta de gins, com cerca de 45 rótulos, aliados à caprichada coquetelaria, tornam a experiência no Lago memorável.

Sobre o Chef

Gaúcho de Pelotas, Marcelo Petrarca chegou em Brasília com 10 dias de idade. Formou-se em gastronomia pelo IESB e depois de graduado mudou-se para a Espanha, onde cursou a Escola de Hotelaria de Sevilha e atuou na cozinha do grande Martín Berasategui em seu restaurante homônimo, um dos melhores do mundo.  Em seguida, foi para Milão, na Itália, onde trabalhou com Carlo Cracco. De volta a Brasília, retornou ao Zuu, onde já havia atuado, para comandar a casa por cerca de dois anos. Em 2015 abriu o restaurante Bloco C, e um ano depois, o bufê Bloco C em casa, destinado a eventos. No mesmo ano, inaugurou o Reverso, restaurante dentro do hotel Blue Tree Premium Jade, e em 2018, o restaurante Lago, todos em Brasília. Todas os seus 3 restaurantes são detentores de prêmios importantes da gastronomia, assim como o próprio Chef, várias vezes apontado como o Melhor do Ano.

Lago

Endereço: SHIS Q5 Bloco D, 01/03

Lago Sul – Brasília
Telefone:
 (61) 3553.9078
Horário de funcionamento:
Terça a Quinta-feira, das 12h00 às 15h30 e das 19h00 à 01;00

Sexta e Sábado, das 12h00 às 16h00 e das 19h00 às 01:00

Domingo: Das 12h00 às 17h00
Wi-Fi: Sim
Acesso a cadeirantes: Sim
Preço da rolha: R$ 50,00
Manobristas no local

Sem comentários ainda.

O que você achou?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *